São 10 dias de Tailândia em que eu escolhi não fazer nada. Nem ilha, nem mergulho, nem macacos tentando roubar seus brincos, nada. O único trabalho que eu tenho eh escolher se eu vou comer noodles ou arroz alternando carne, porco ou frango.  Ou Massalam Curry ou Red Curry no jantar, que repete as mesmas opções (carne, frango, porco e ate camarão) mas substituindo o arroz ou macarrão por um delicioso caldo feito com leite de coco. Bem fácil como todas as ferias deveriam ser. Ai hoje acordei e estava aquele calorão, o dia nublado e eu nem sai do hotel. Me dei de presente um dia inteiro no ar condicionado e fiquei aqui colocando a vida virtual em dia. La pela hora da fome resolvi esticar as pernas e sai andando por ai, tomei um suco de cenoura e ia cortar o cabelo. Detalhe que o salão estava aberto e vazio. Fiquei ali ao redor esperando e eis que surge um ser dizendo que ele estava fechado (?), era o dia de folga da cabeleireira. Ok. Hora da massagem do dia. Se tem um luxo que a gente tem que se dar na Tailândia eh esse afinal, uma hora e meia de massagem cerca custa 9 dolares australianos ou R$ 18,00. Voce olha o "cardápio" e escolhe: pescoço e ombros, pes, Face, com óleo, sem óleo quente ou frio, com aloe vera (para os turistas torrados), etc, etc. Eh uma infinidade. Escolhi a tradicional massagem tailandesa e parti pro abraço, ou pra quebradeira. Sobe aqui, dobra la, vira o braço, dobra a perna. Ao mesmo tempo em que você fica parada, a tia thai dobra e amassa todas as partes do seu corpo. Tudo ia bem ate o momento de chegar no meus ombros. A calmaria e o momento relax deram lugar a uma palavra chamada tensão, de tanto que ela apertou. Pela minha cara de socorro ela entendeu e deu uma amenizada ai a partir daquele minuto não sei mais se a minha massagem era a Tailandesa ou não. Mas o que importa eh que nos 50 minutos seguintes ficou tudo bem. E no final ainda ganhei um chazinho.
Massage
menu
Entenda a diferenca:
 MASSAGEM TAILANDESA
Usa os mesmos movimentos da ioga. Os alongamentos aplicados pelo terapeuta são intercalados com exercícios para diminuir o ritmo da respiração e a frequência cardíaca, combatendo o estresse. Trabalha principalmente pescoço e cabeça. A frequência ideal é de uma a três sessões por semana. Não é indicada em casos de problemas cardíacos, cirurgia recente, varizes ou infecções na pele. MASSAGEM SUECA Técnica baseada em uma sequência com cinco manobras: deslizamento, mais leve; fricção; amassamento, que diminui a contração dos grandes grupos musculares; vibração, para descontrair áreas menores; e percussão, com efeito estimulante. Trata contraturas, alterações posturais e pode ser relaxante ou estimulante, dependendo da velocidade e da profundidade das manobras. Não deve ser feita por quem tem inflamação ou infecção. AYURVÉDICA Na medicina indiana, a massagem é parte do tratamento. Deve ser indicada de acordo com o "dosha" (biótipo) da pessoa e do que precisa ser ajustado. Há várias escolas. Comum a todas é o uso de óleos escolhidos conforme o objetivo: estimular, acalmar etc. As manobras são contínuas e associadas à respiração. Algumas usam também os pés nas manobras, o que permite atingir musculaturas mais profundas e pode ser dolorido. Contraindicada em casos de inflamações, infecções, excesso de toxinas no corpo, menstruação ou gravidez.
Fonte e outros tipos de massagem aqui: Folha